I is for images Florianópolis
Exatamente!

Exatamente!

 

(Source: robotcosmonaut, via w-y-e)

Às vezes eu tenho saudades. Saudades das pessoas que me cruzaram a vida e que por um motivo ou outro se foram. E a saudade das coisas não vividas é a maior e mais incompreensível de todas as saudades que tenho. Clichê falar de saudade. E mais clichê ainda é a saudade do que foi “não”, mas que poderia, quem sabe, ter sido um “sim”. Saudade daquilo que poderia ter acontecido, daqueles momentos perdidos, daquelas escolhas mal-feitas que eventualmente reaparecem, se esfregando na cara da gente, quase dizendo: “Bem-feito!” e pedindo por fim um acerto de contas. É essa saudade sem cabimento, sem pé nem cabeça, sem começo nem fim. Mas é só às vezes. E ainda bem.

(Source: agnijagrigule)

(Source: agnijagrigule)

óin!

(Source: pusheen)

(via w-y-e)

(Source: x-lauralove)

mademoisellefelix:

clubmonaco: It’s the season for hot chocolate. -Wit & Delight
Oooh yeah!

Yummy!

mademoisellefelix:

clubmonaco: It’s the season for hot chocolate. -Wit & Delight

Oooh yeah!

Yummy!

(via mademoisellefelix)

newyorker:

Richard Brody on the inadequacy of Berlin’s “Memorial to the Murdered Jews of Europe”: http://nyr.kr/MmKjtJ

the memorial, as imposing and as memorable as it may be in itself, hardly serves the function for which it was intended.


Saudade de viajar… De entender o mundo…

newyorker:

Richard Brody on the inadequacy of Berlin’s “Memorial to the Murdered Jews of Europe”: http://nyr.kr/MmKjtJ

the memorial, as imposing and as memorable as it may be in itself, hardly serves the function for which it was intended.

Saudade de viajar… De entender o mundo…

Quando foi que eu me tornei aquilo que eu nunca quis ser?

1000scientists:

Hard to Care by Brad Rose

1000scientists:

Hard to Care by Brad Rose

(via idea-obscura)

Agora vai? (Publicado com o Instagram)

Agora vai? (Publicado com o Instagram)

A place for images to call home.